sexta-feira, 4 de março de 2011

Petkovic planeja aposentadoria


Maestro da conquista do Brasileirão 2009 pelo Flamengo, Petkovic começou esta temporada longe dos holofotes. Sem disputar uma partida oficial há quase três meses, o sérvio segue treinando, mas acompanha o sucesso da equipe de fora do gramado. Mesmo assim, ele não deixa de ser lembrado. Depois de marcar o gol do título da Taça Guanabara, cobrando falta no melhor estilo Pet, Ronaldinho Gaúcho não hesitou em atestar a semelhança com o tiro certeiro que deu ao Rubro-Negro o tri carioca em 2001.
- Gentileza dele lembrar meu nome, agradeço. Lembrar do Zico, é fácil, é a primeira coisa que vem à mente. Ronaldinho é um craque mundial e está no caminho certo para fazer história no Flamengo e dar alegria à nação.
Sem ciúmes com a camisa 10, Petkovic faz planos para a aposentadoria, que está marcada para o fim deste ano. Longe das quatro linhas, ele é empresário: dono de pizzaria, de instituto de recursos humanos, de empresa de marketing esportivo e até de um spa em Belgrado.
Se o futuro como executivo está traçado, os últimos meses de carreira ainda são incertos. Fora dos planos do técnico Vanderlei Luxemburgo, Petkovic garante não se incomodar com a reserva.
- As chances de eu jogar são mínimas, mas estou treinando, fazendo minha parte. Se não jogo, a opção é do treinador. Estou fazendo tudo que qualquer um faz e não me sinto mal ou frustrado com isso. A gente não pergunta por que joga e eu não pergunto por que não jogo.
O ídolo rubro-negro não se arrepende de não ter parado de jogar com a conquista de 2009, quando estava no auge do seu futebol.

Nenhum comentário: