sábado, 22 de maio de 2010

Esporte Violento




da Efe, em Madri (Espanha)
O toureiro Julio Aparicio, 41, de Sevilha, ferido por uma chifrada que entrou pelo pescoço e saiu pela boca, está fora de perigo, "consciente e mantendo as funções vitais", segundo boletim médico divulgado na manhã deste sábado pelo hospital 12 de Octubre, na Espanha.
Segundo o hospital, Aparicio passou por cirurgia por conta de um ferimento com entrada em região cervical anterior e penetração em cavidade oral que produziu fratura de maxilar superior.
Gustavo Cuevas/Efe
Chifre entrou pelo pescoço e saiu pela boca do tourieo Julio Aparico, durante acidente em Madri
Chifre entrou pelo pescoço e saiu pela boca do tourieo Julio Aparico, durante acidente em Madri
O toureiro passou por uma traqueostomia e foi feita a reparação das estruturas afetadas. Após a intervenção, o toureiro permanece na unidade de terapia intensiva do centro, consciente, com sinais vitais estáveis e sem complicações significativas, de acordo com o boletim.
Aparicio passou por duas cirurgias em um intervalo de seis horas, já que antes de ser operado no hospital tinha passado por uma intervenção na sala de cirurgia da enfermaria da praça de touros de Las Ventas, em Madri.

Nenhum comentário: