segunda-feira, 11 de abril de 2011

Juventus supera o Atlético e segue em segundo

Num clássico bem disputado de cinco gols, o Juventus acabou superando neste domingo, no estádio Arena da Floresta, o Atlético Acreano pelo placar de 3 a 2. Douglas, Tiago e Caio marcaram para o rubro-negro local, enquanto Lelão e Pretinho descontaram para o time celeste.
Com a vitória, o Juventus não apenas chegou ao décimo ponto ganho na tabela de classificação, mas também consolidou a vice-liderança da competição, assim mantendo um jejum de vários anos sem perder um clássico para o time celeste.

Na próxima rodada, o Juventus faz um dos clássicos da rodada contra o Independência FC. O confronto ocorre no domingo, às 17h30, no estádio Arena da Floresta. No mesmo dia e local, o Galo Carijó enfrenta o Rio Branco, às 19h30.

Jogo

Com a bola rolando, o time juventino não se incomodou com o fato da torcida adversária está em maior número. O cartão de visita veio logo aos seis minutos. O juventino Douglas deixou o atacante Caio na cara do gol, mas o grandalhão perdeu excelente chance oportunidade. Um minuto depois, numa jogada individual do próprio Douglas, o rubro negro acreano abriu o placar com um chute colocado.

O Galo conseguiu reagir e o empate veio dez minutos depois, numa jogada rápida do ataque celeste. Ailton serviu o companheiro de ataque Lelão. O atacante celeste tratou de desviar a bola com a cabeça na saída do goleiro Diego. Festa da torcida "Galoucura" e "Sangue Azul"
O gol de empate do Galo Carijó deixou o jogo aberto. Os dois times não desistiam de buscar o caminho do gol e muitas vezes as jogadas eram paradas com violência e o árbitro Carlos Santos não economizou não economizou nos cartões amarelos.

Numa jogada rápida pelo lado esquerdo aos 37', o jovem Alfredo fez assistência para Tiago. O meia definiu bem a jogada com um chute preciso e violento para a rede do goleiro Douglas. Um golaço!

Um gol para cada lado

Com a derrota parcial para os juventinos, o Galo retornou do intervalo pressionando o gol do goleiro Diego. No primeiro minuto, o lateral Januário arriscou um bom chute, mas o goleiro rubro negro fez outra boa partida.

O empate celeste poderia ter ocorrido aos 5', mas o atacante Gesse perde grande chances na pequena área para o desespero do técnico Artur de Oliveira.

Um minuto depois, o Juventus encaixou bem um contra golpe. O meia Douglas fez jogada individual pelo lado direito e encontrou Caio, livre, para mandar a bola para a rede celeste. Um castigo.

Com dois gols de desvantagem no placar, o Galo passou a apertar o time juventino. O atacante Lelão fez o giro em cima do zagueiro adversário e chutou com violência. O goleiro Diego salvou, aos 15'.

O segundo gol celeste quase saiu aos 26'. O meia Josy fez ótima assistência para Lelão, que concluiu com violência. O goleiro Diego – um dos melhores do jogo, fez outra defesa importante.

Com mais volume de jogo, o Galo teve outra chance do segundo gol com o próprio Lelão. O atacante recebeu livre na grande área e se livrou do goleiro Diego e concluiu com violência. O volante Marquinhos Costa salvou o lance com o peito, aos 41'.

Nos acréscimos, o lateral direito Bruno, após bola trabalhada, encontrou Pretinho entre os zagueiros juventino. O jovem atacante, com categoria, escorou o cruzamento para a rede, sem chance de defesa para o goleiro Diego. Um minuto depois, o empate esteve perto, após cruzamento da esquerda para o desvio de cabeça do meia Josy. Diego, bem colocado, fez a defesa e garantiu a vitoria rubro negra.

Ficha Técnica
AC Juventus 3 x 2 Atlético
Local: Estádio Arena da Floresta
Árbitro: Carlos Santos
Assistente 01: Rener Santos
Assistente 02: Mário Jorge
Gols: Douglas, Tiago e Caio (ACJ) e Lelão e Pretinho (AA). Cartões Amarelos: Januário, Samuel e Gesse (AA); Newmar, Erick, Hulan, Alfredo, Neilson, Tiago e Jô (ACJ)
Público: 508 pagantes
Renda: R$ 5.080,00
Cartões Amarelos: Januário, Samuel e Gesse (AA); Newmar, Erick, Hulan, Alfredo, Neilson, Tiago e Jô (ACJ)
JuventusDiego, Luis Henrique, Newmar, Erick e Alfredo; Hulan, Neilson e Tiago; Douglas, Caio e Jô. Técnico: Ulisses Torres.
AtléticoDouglas, Januário, Iesley, Zidane e Fábio (Bruno); Araújo, Kinho e Josy; Lelão, Ailton e Gessé. Técnico: Artur de Oliveira
Fonte: Manoel Façanha

13 comentários:

Marcos Macelo disse...

Melhor jogo do Campeonato Acreano 2011.

Catuqui - Sangue Azul disse...

Deise você diz: me mata de vergonha! Já eu com o Atlético Acreano digo: O Jessé me mata de raiva! Como se perde um gol daquele? E ainda quer ser titular, se eu fosse o Arthur ele não iria nem para o Banco no Próximo jogo!

Socorro - Sangue Azul disse...

O gostoso do Atlético Acreano é a emoção que dá! Fala a verdade Deise, não é melhor até para que narra o jogo casa cheia!

Camelo - Cidade Nova disse...

Deise? você é uma grande narrador! Mais fala aí: A torcida do Atlético até agora tá com cara de torcida? UM abraço.

Luiz Augusto disse...

Vou discorda do meu amigo Marcos Macelo! Se o Galo tivesse vencido, teria sido sim o melhor jogo do Campeonato! Fuí!

Afonso - XV disse...

Na quarta tem mais e o Galo vai se reabilitar!

Sales - cidade nova disse...

Deise? Espero que o Atlético Acreano não tenha lhe matado de vergonha! Deixa isso só para o Jessé! que menino ruim! Valeu

Afonso - Sangue Azul disse...

Deise? Queria que você me disse se tem zagueiro melhor que esse tal de zidane do meu time Atlético Acreano!

França - Vila Acre disse...

Deise? você que narrou o jogo, me conforme por favor! O Atlético jogou mal contra o Juventus? Tchau!!!

Pia do Bairro XV disse...

Deise? Pensei que você fosse gritar mais gols do meu Galo! Mais você gritou mais gols do Outro! Paciência, não queria acreditar que torce para o Atlético Fosse igual torcer para o Flamengo, tudo é na dificuldade! Valeu! Fuí! quarta-feira tem mais! Da-lhe GGAALLOO!

Manoel - Sangue Azul - 06 de Agosto disse...

Deise? A recuperação do Atlético Acreano é na quarta-feira! Podes crer!

Sandro disse...

Esse Galo me mater de emoção! ainda bem que para o Deise só é de vergonha! Avante Galo Machão!

Mônica, Ana Lúcia e Vanda - Sangue Azul - Bairro XV disse...

O que mais nos mágou na derrota do Atlético para o Juventus, foi ver bem de pertinho a cara de satisfação do Gilmar Sales que era do Atlético no inicio do Campeonato. O que mais nos alegra é ver a cara de espanto dele assistindo as defesas que o Diégo que ano passado era reserva dele, sem ter nenhuma vez no time do Atlético do ano passado Será que esse cara um dia vai ter humildade? Esse é o nosso registro Deise! Parabéns pelo Blog.