terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Catê, campeão mundial pelo São Paulo, morre em acidente de trânsito


Catê, André Luiz, Pereira São Paulo (Foto: Site oficial do São Paulo) 
Catê (primeiro à esquerda) atuou no São Paulo
de 1991 a 1994 (Foto: Site oficial do São Paulo)
Morreu na manhã desta terça-feira, em acidente de trânsito no quilômetro 131 da rodovia ERS 122 - no município gaúcho de Ipê, Marcos Antônio Cate Lemos Tozze, o Catê. O ex-jogador, campeão mundial com o São Paulo em 1992, conduzia o Fiat Uno que bateu de frente com um caminhão Scania.
O motorista do caminhão não teve ferimentos. As causas que levaram ao acidente ainda são desconhecidas. Chovia no momento da colisão. Com 38 anos, Catê agora treinava times da várzea gaúcha.
Catê nasceu em Cruz Alta, também no interior do Rio Grande do Sul. Após formar-se nas categorias de base do Guarany local, e do Grêmio, notabilizou-se pelo São Paulo entre 1991 e 1994, como um ponta-direita à moda antiga.
Além do São Paulo, em duas passagens, Catê vestiu no Brasil as camisas do Cruzeiro, do Flamengo, do Esportivo-RS e do Brusque-SC, onde encerrou carreira, há três anos. Fora do país, ele atuou no Sampdoria e no Universidad Católica.
O sepultamento ocorrerá em Cruz Alta, onde o ex-jogador sempre foi ídolo, mas o horário ainda não foi divulgado pelos familiares de Catê.
Catê sofre acidente fatal (Foto: Corpo de Bombeiros Voluntários de Antônio Prado / Divulgação)Catê sofre acidente fatal (Foto: Corpo de Bombeiros Voluntários de Antônio Prado / Divulgação)