terça-feira, 9 de novembro de 2010

Torcedor do Fla poderá gravar nome em tijolinho em CT

Por R$ 250, o torcedor do Flamengo poderá ter seu nome gravado para sempre em uma das principais dependências do clube, o Ninho do Urubu. O projeto da diretoria de marketing, lançado nesta terça-feira no salão nobre da Gávea, é que cada tijolo do muro que vai ser construído no centro de treinamento seja marcado com o nome de um torcedor.

O primeiro "tijolinho" foi comprado pela presidente Patrícia Amorim. O número 10 é de Zico. O maior ídolo da torcida rubro-negra comprou o seu e pediu para reservar um espaço para a família Antunes. "O tijolinho mais importante não vai ser o meu. Vai ser o do velho Antunes. Foi ele quem começou tudo isso", disse o craque ao falar de seu pai.

O técnico Vanderlei Luxemburgo também deu apoio ao projeto que pretende arrecadar recursos para a formação de novos atletas. "Participo de um momento histórico do Flamengo, onde o profissionalismo se junta à paixão", afirmou.

Os tijolinhos estarão à venda na Gávea, sede do clube, e na internet. De acordo com Henrique Brandão, vice-presidente de marketing e comunicação do Flamengo, os tijolinhos darão a oportunidade para que torcedores rubro-negros que vivem fora do Rio de Janeiro contribuam e se façam presentes na casa do Flamengo.

O valor do tijolinho pode ser parcelado em até cinco vezes, e a iniciativa ganhou mais elogios de Luxemburgo. "É uma fabrica para lapidar o jogador", disse o treinador. "O centro é um lugar de produção, como se fosse uma empresa", acrescentou.

Luis Pinheiro
Direto do Rio de Janeiro

Nenhum comentário: