quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Deficiente visual é jornalista e comenta jogos de futebol no campo

Por GLOBOESPORTE.COM Aracaju, Sergipe


comentarista cego  
Lucas Aribé comenta partida da final do Estadual Sergipano de Masters (Foto: TV Globo)
Lucas Aribé Alves tem 24 anos de idade e é deficiente visual. Nasceu com glaucoma, mas não deixou a limitação restringir sua vida. Aprendeu o sistema Braille aos quatro em uma escolinha de Aracaju, Sergipe. Foi jogador de basquete e é campeão de dominó. Além disso, toca vários instrumentos musicais, é formado em jornalismo em uma universidade particular e escreve um blog sobre esportes na internet. Por fim, ainda sobre tempo para participar de programas esportivos de rádio.
Mas o que impressiona em Lucas é a sua habilidade para comentar partidas de futebol diretamente no local do jogo. Ao lado do narrador, ele consegue sentir o desempenho dos jogadores, inclusive do árbitro, e vai anotando cartões, lances, destaques, tudo que for preciso para fazer seu comentário:
-Eu queria atuar no campo esportivo, e o que que eu vou fazer, narrador eu não posso ser porque preciso realmente ver pra poder narrar, então tenho que ser, ou repórter, ou plantonista ou comentarista esportivo. A primeira chance no rádio foi no comentário e é lá que eu ainda estou, fazendo comentários como comentarista esportivo...


Você acompanha esta história emocionante na reportagem completa, domingo, no "Esporte Espetacular"!

Nenhum comentário: