segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Acredite: passar roupa virou esporte radical!


Passar roupa é uma das atividades domésticas mais chata, certo? Errado. Para alguns, passar roupa acabou virando um esporte pra lá de radical. Afinal, desamassar camisas em condições extremas é o objetivo principal do Extreme Ironing

De acordo com seus idealizadores, o Extreme Ironing é “uma atividade ao ar livre que combina o perigo e a adrenalina de um esporte radical com a satisfação de uma camisa bem passada”. Tudo o que você precisa é levar um bom ferro e uma tábua de passar roupa para um local de difícil acesso. Ser um praticante do extreme ironing significa passar roupa na encosta de uma montanha, no fundo do mar ou até mesmo pulando de um avião!



O inusitado esporte nasceu em 1997, na Inglaterra. O criador é o praticante de esportes radicais Phil Shaw. Diante da impossibilidade de sair de casa para escalar, por causa da pilha de roupas amassadas, Phil resolveu matar dois coelhos com uma cajadada só e levar o ferro passar roupa para as montanhas. Phil escreveu até mesmo um livro sobre o assunto.
Não duvido nada se não inventarem daqui a pouco uma corrida de aspirador de pó ou um campeonato de bater bife.

Nenhum comentário: