terça-feira, 7 de junho de 2011

Crise pode resultar na exclusão do Náuas

nauas_-_15_de_maio












 Após a derrota de domingo, jogadores denunciaram salários atrasados, falta de condições de trabalho, estadia e até alimentação. Em protesto eles ameaçam não entrar em campo no jogo contra o Rio Branco, o que pode gerar uma catastrófica exclusão do futebol profissional.
O time perdeu por 3 a 1 no último domingo no estádio Arena da Floresta em Rio Branco, diante do Atlético Acreano. A semana promete muita dor de cabeça à diretoria. Depois da partida, jogadores procuram os veículos de comunicação para reclamar da inoperância da diretoria e denunciar atrasos de salários, falta de condições de trabalho, má alimentação e estadia.
Falando em nome dos jogadores, o capitão Eder se emocionou ao citar as dificuldades e agradeceu o apoio que o time tem recebido de parceiros como APADEQ, EDACRE, Prefeituras de Cruzeiro do Sul e Rodrigues Alves, empresários Miúdo e Chico Andrade entre outros, mas ressaltou que o time precisa de mais investimentos que poderiam vir da iniciativa privada e de ações da diretoria.
Os atletas ameaçam não retornar aos treinamentos e não embarcar para a capital para enfrentar o Rio Branco na última rodada. Caso isso venha ocorrer, à equipe poderá ser punida pela Federação e até ser excluída do futebol profissional.
O presidente da equipe, Edvan Marques, reconhece as dificuldades, mas disse que tentará convencer os atletas a disputarem a partida contra o Rio Branco, pois se isso acontecer os prejuízos serão incalculáveis. Embora completamente desacreditado pelos jogadores, o presidente disse que está em contato com alguns torcedores ilustres e espera que nos próximos dias, possa receber um repasse que permita sanar o atraso de salário pelo menos de maneira parcial.

4 comentários:

Marcelo Avelino disse...

Observando essas coisas que ainda acontecem no futebol, deixa qualquer um triste. O pior é que a Diretoria quer convecer os jogadores á entrar em campo domingo, o que passa na cabeça do jogador é: se jogar no domingo aí é que o dinheiro não sai. Será que a Diretoria do Náuas vai terminar o campeonato como começou, com um turbilhão de problemas? Espera para ver.

Catuqui - Sangue Azul disse...

O Pior que esse time do Náuas nos deixou muito triste no ano passado.

Juliano - Sangue Azul disse...

Nesse Ponto parabenizamos o nosso Presidente Edson Izidoro, que a pesar das dificuldades, consegue junto com o Azeitona e o Oto, a sanar so compromissos do Atlético Acreano em dia.

Anônimo disse...

Quem torcer pelo fim do Náuas , vai perder, pois no próximo ano o clube deverá se livrar do seu pior peso que é essa atual diretoria amadora. Deverá assumir um pessoal mais qualificável e confiável para enfim conseguir fazer do representante de Cruzeiro do Sul o maior rival do RBFC pela hegemonia do futebol do Acre. Podem anotar o estou falando.

Rafael Machado