quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Águia descarta possibilidade de comprar jogo fácil

Com poucas chances de escapar do rebaixamento, o Araguaína fica suscetível a receber propostas com a famosa mala branca, aquele incentivo para ajudar um outro clube interessado no resultado. Porém, o Águia de Marabá descarta qualquer possibilidade de negociação no duelo marcado para este sábado, às 19h, no Zinho Oliveira.
Segundo o técnico João Galvão, o grupo azulino vai buscar a vitória na raça dentro de campo e não nos bastidores. “Teremos um jogo muito difícil contra o Araguaína. Não é porque o adversário é o lanterna do grupo que vamos pensar que ele é fraco e está morto”, destaca Galvão.
O presidente aguiano Sebastião Ferreira Neto, o Ferreirinha, também confirmou que não haverá nenhum tipo de negociação para que o Araguaína facilite para o time marabaense. Ele considera a atitude antidesportiva.
Por outro lado, ele afirmou que o clube vai procurar o Tourão do Norte para oferecer um incentivo financeiro, objetivando que o time do Tocantins engrosse o caldo nos duelos contra Luverdense e Paysandu. “No jogo contra o Águia não existe possibilidade de pagarmos para o Araguaína perder, mas o que é possível e legal é que podemos oferecer uma premiação para o time surpreender diante do Luverdense e Paysandu, já que os rivais também concorrem as vagas para a segunda fase”. (Diário do Pará)

Nenhum comentário: