sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Giro pelo clubes acreanos


- O Rio Branco FC, bicampeão acreano, já anunciou o treinador Samuel Cândido, ex-Tuna Luso, e um pacote de reforços. Se irá decolar, só Deus sabe.
O gerente de futebol Arthur de Oliveira, com carta branca do presidente Bruno Cota Paiva e do vice Adem Araújo, trabalha nos bastidores para conseguir mais algumas peças para a disputa da Copa do Brasil e Estadual.

- O Plácido de Castro é outro clube que já tem treinador. A diretoria do Tigre renovou contrato com Luís Carlos, que espera contar com boa parte da equipe que disputou a Série D deste ano, apesar do goleiro Máximo migrar para o futebol amazonense.

- O Juventus vai apostar novamente na dupla Ulisses Torres (técnico) e Edson Maria (auxiliar-técnico). O preparador físico Arnaldo Moreira retorna ao clube. Otimista, o presidente Davi Abugoche irá contratar 14 jogadores de fora do Acre e espera dedicação exclusiva dos jogadores prata da casa para a agremiação no próximo ano.

- O Atlético Acreano, campeão de público nas arquibancadas na disputa do último Estadual, anunciou o professor Álvaro Miguéis para o posto de treinador. O time promete ser caseiro, mas com algumas peças importadas. O quarteto formado por Ceildo, Ailton, Kinho e Lelão podem permanecer no clube.

- O Náuas promete voltar a brigar pelas primeiras posições. O clube terá a partir de agora o desportista Zacarias à frente da agremiação, assim garantindo a possibilidade de novos investimentos para o departamento de futebol. O técnico português José Armando reassume o clube.

- A Adesg vive uma crise financeira jamais vista na sua história. O presidente Juarez Figueiredo, que não tem culpa do passivo trabalhista deixado por outras gestões, confirmou a participação do clube na disputa do Estadual, mas espera contar com apoio de empresários, assim como da prefeitura de Senador Guiomard, quando a bola rolar.

- O Alto Acre FC espera emplacar na disputa do profissionalismo do próximo ano. O técnico será Fernando César, o Neneca. O profissional fez bom trabalho no Náuas e Plácido de Castro e espera não decepcionar os dirigentes, assim como os torcedores do Papagaio da Fronteira.

- O Andirá EC retorna à elite do futebol profissional querendo não ser o patinho feio ou saco de pancadas dos demais rivais. O clube aposta na mudança de direção, assim como na chegada de novos parceiros, para brigar pela ponta de cima da tabela.

Nenhum comentário: