sexta-feira, 8 de junho de 2012

Série D: Advogado de clubes do sul e sudeste define ações para o STJD e CBF

Caxias do Sul, RS, 08 (AFI) - O advogado Carlos Frederico Braga Curi, credenciado pelos clubes que integram os Grupos A7 e A8 já definiu as ações que serão protocoladas na próxima segunda-feira na CBF e no STJD, reivindicando o inicio imediato da Série D do Campeonato Brasileiro. De acordo com a estratégia definida pelo representante dos clubes serão apresentadas três ações.

A primeira será protocolada junto à Presidência da CBF, documento intitulado "Moção de Repúdio com Requerimento de Tomada de Providências" em nome dos clubes, declarando o repúdio à utilização da justiça comum pelos clubes que causaram a suspensão do certame, com esclarecimento dos prejuízos sofridos pelos clubes envolvidos e requerendo que sejam tomadas medidas imediatas para o início da Série D. A segunda será encaminhada junto à Presidência do STJD, com pedido de reconsideração da decisão que suspendeu as séries C e D, sustentando a tese da possibilidade de início imediato da Série D sem se configurar desrespeito as decisão judiciais que favorecem clubes relativamente à Série C.
Para a terceira, será protocolada uma Notícia de Infração, junto ao Dr. Paulo Schmitt - Procurador Geral do STJD, em face dos clubes que tomaram a via da justiça comum, por infração a ditames do CBJD, do Estatuto da CBF, do Estatuto da FIFA e legislação correlata, que possibilitará à Procuradoria intervir em auxilio ao pleito dos clubes.
Na última quarta-feira, seis times do sul e sudeste, que disputarão a Série D, se reuniram em Florianópolis-SC, em busca de soluções para o inicio da competição. A iniciativa de reunião foi do presidente do Juventude-RS, Raimundo Demore, que espera uma resolução do caso antes do próximo dia 17.
 
 
Agência Futebol Interior

Nenhum comentário: