quinta-feira, 2 de setembro de 2010

TJD pode tirar pontos do São Raimundo na Série C

Mais uma vez? No início do ano, o São Raimundo foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por ter escalado três jogadores de forma irregular contra o Botafogo (RJ), pela Copa do Brasil. Na época perdeu os três pontos da vitória que conseguiu contra o Fogão, em Santarém. Agora o Pantera santareno poder ser novamente julgado no STJD por ter colocado em campo o atacante Paulo Rangel, que já teria atuado no Campeonato Brasileiro da Série C pelo Salgueiro (PE).

A denúncia da possível irregularidade do São Raimundo ocorreu ainda na partida que o clube perdeu por 3 a 2 para o Fortaleza, na última rodada da Série C. O ex-diretor de futebol do Clube do Remo, que hoje acumula a função no clube cearense, Sérgio Papelin, falou ao vivo, na Rádio Clube do Pará, que o atacante Paulo Rangel, que atuou no jogo, estaria irregular.

O regulamento da Série C não deixa claro a transferência de atletas de mesmo clube. Já no regulamento de jogos da Confederação Brasileira de Futebol é permitida a transferência de jogadores com até seis partidas, desde que a competição seja de pontos corridos.

Contudo, o diretor jurídico do São Raimundo, André Cavalcante, disse que o alvinegro está preparado para a defesa do caso. “Ouvimos algumas pessoas falarem que a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) iria denunciar o caso ao STJD. Na Copa do Brasil, conseguimos provar que os jogos não eram de mata-mata. A Série C é sim um campeonato de pontos corridos e o Paulo Rangel irá jogar normalmente no domingo contra o Paysandu”, disse.

Cavalcante afirmou, ainda, que a CBF já teria tomado conhecimento do caso há algum tempo. “O mais engraçado é que quando soube disso, ainda em Fortaleza, liguei para o Paulo Romano (diretor da FPF), que entrou em contato com o Virgílio Elísio (diretor da CBF), que disse que a situação do São Raimundo estava regular”, explicou. A CBF ainda não notificou oficialmente o São Raimundo.
Fonte: Gustavo Pêna

Nenhum comentário: