terça-feira, 9 de agosto de 2011

De folga no Brasileiro, Cuiabá e Luverdense empatam em amistoso polêmico

No fim de semana, de folga nas Séries D e C, Cuiabá e Luverdense se enfrentaram em uma partida que teve alguns lances polêmicos e o jogo terminado aos 38 do segundo tempo com o técnico Luis Carlos Lisca, do Luverdense, invadindo o campo.

O técnico Ary Marques desta vez usou um time bem diferente com dois volantes e dois meias, tendo a volta de Edu Amparo (recuperado de lesão na coxa) e do lateral direito Marquinhos (vindo de uma fratura no rosto). No primeiro tempo o Cuiabá sentiu a falta de entrosamento e o Luverdense começou melhor abrindo o placar aos 20 minutos. Mas depois a equipe foi se encontrando em campo e o jogo foi se igualando no decorrer dos 25 minutos restantes.
Na segunda etapa, o Dourado voltou bem melhor, criando mais chances e tendo mais posse de bola. Em um ataque aos 10 minutos, o Cuiabá chegou a balançar as redes, mas o arbitro acabou anulando o gol, que foi marcado pelo zagueiro do Luverdense contra. O gol de empate saiu minutos depois dos pés do meia Robson Goiano de falta.
Após o empate, a partida seguiu pegada, tendo vários cartões amarelos e paralisações. O time de Lucas conseguiu marcar novamente aos 23 e o Cuiabá empatou em um gol do atacante Quirino aos 34.
Logo depois, aos 38 minutos, o técnico Lisca, que não estava nem no banco de reservas, invadiu o campo e pediu para que seus jogadores abandonassem a partida, alegando estar sendo prejudicado pela arbitragem. O jogo foi encerrado depois da invasão e o placar ficou 2 a 2.

Nenhum comentário: