sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Clima eleitoral começa a esquentar no Rio Branco

Fora da briga pelo acesso à disputa do próximo Campeonato Brasileiro da Série B, o Rio Branco agora vive clima eleitoral. O clube irá escolher no próximo dia 11 de novembro sua nova diretiva. Por enquanto, duas chapas prometem lutar pelo poder político do clube.

O empresário Bruno Cota Paiva, então ex-vice-presidente de Natal Xavier, ao lado do também empresário Adem Araújo [ainda a confirmar], encabeça uma das chapas para comandar os destinos do clube nos próximos anos. Um dos trunfos de Bruno Cota Paiva será o empresário Adem Araújo. Ele é o irmão Aldenor Araújo comandam uma grande rede de supermercados da cidade. Os irmãos Araújo, além de gostarem da pratica esportiva, há vários estampam na camisa do clube a logo marca de sua empresa.

Na outra composição de chapa aparecem os empresários Getúlio Júnior e Valdemar Neto. Os dois candidatos são filhos de ex-presidentes do clube. O primeiro é o atual presidente do Conselho Fiscal e uma dos responsáveis pelo pedido de auditoria nas contas da agremiação, hoje presidida pelo desportista Natal Xavier.

Nas últimas semanas praticamente não existia clima para uma disputa eleitoral dentro da agremiação, mas na manhã desta sexta-feira, a chapa composta por Getúlio Júnior e Alencar Neto resolveu também entrar na disputa pelo poder político do clube mais antiga do futebol local.

O término para inscrição de chapa serão encerrado na próxima terça-feira (08). Três dias depois, a partir das 19h, na sede social da agremiação, ocorrem as eleições para a escolha da nova direção.
Fonte: Manoel Façanha

Nenhum comentário: