quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Paysandu recupera mando de campo perdido graças ao Estatuto do Torcedor

 A CBF confirmou no início da tarde desta quinta-feira que o jogo entre Paysandu e Luverdense, pela Série C do Campeonato Brasileiro, que teria de mudar de local graças a uma punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, será mesmo no Mangueirão, em Belém. Com isso, a punição fica suspensa graças ao Estatuto do Torcedor. Aproximadamente 18 mil ingressos já haviam sido comercializados para a partida decisiva.

Segundo o Estatuto, uma decisão do SJTD só pode ser aplicada cinco dias úteis após o comunicado do tribunal à CBF. Com isso, o prazo se encerraria apenas na próxima quinta-feira, dia 17, uma vez que no dia 15 de novembro há um feriado e o dia da partida também não conta. O jogo ocorre normalmente na próxima quarta-feira, às 20h30, no estádio Mangueirão. O Papão havia sido punido com a perda do mando de campo depois de o árbitro Sálvio Spíndola Filho (FIFA) relatar na súmula tentativa de arremesso de objetos, principalmente garrafas com água, em direção ao assistente e depois a todos os membros da equipe de arbitragem ao final da partida.
Houve também uma denúncia sobre uma pessoa não identificada e com credencial de imprensa que entrou no campo dizendo "Vocês são ladrões, roubaram o Paysandu". O clube foi absolvido dessa acusação. Sem jogar mais dentro de casa nesta segunda fase, resta saber se a punição foi suspensa ou apenas adiada - o que passaria a ser cumprida no primeiro jogo da final, caso o Paysandu se classificar.

Nenhum comentário: